Criado em 16 de Setembro de 2017 por João Barros e João Costa, maestro e diretor respetivamente, o Nova Era é um Ensemble Vocal composto por 24 cantores, que tem como principal objectivo a divulgação e promoção da música contemporânea. Em cada concerto são estreadas obras de jovens compositores, portugueses e estrangeiros.

Com isto, o Nova Era pretende dar um novo rumo à composição em Portugal, estimulando a criação de obras corais através de uma colaboração direta entre compositores, maestro e coro. Combinando esta harmonia com um grupo de cantores de excelência, o Nova Era procura que a performance seja o mais fundamentada possível.

O Nova Era pretende, paralelamente, dar a conhecer ao público o que de melhor se tem feito em todo o mundo nas últimas décadas.

A interpretação de obras de compositores internacionais estará presente em todos os concertos. Algumas destas obras são apresentadas e contextualizadas por membros do coro antes da performance, para que o público tenha todo o conhecimento necessário para desfrutar da performance em pleno.

João Barros

João Barros estudou piano no Conservatório D. Dinis. Frequentou o Curso de Canto na Escola de Música do Conservatório Nacional. Concluiu, em 2015, o Curso de Formação Musical e Direção Coral na Escola Superior de Música de Lisboa (ESML), tendo realizado, em 2013, os estudos no Instituto Kodály (Hungria), no âmbito do programa de Erasmus. Atualmente frequenta o Mestrado em Direção Coral na ESML, orientado pelo Professor e Maestro Paulo Lourenço.
Durante os seus estudos teve a oportunidade de trabalhar com maestros como Árpád Toth, Vasco Azevedo, Alberto Roque, Brett Scott, Georg Grün e Neil Ferris.
Foi, em 2017, maestro do Coro Académico de Lisboa. Nesse mesmo ano, sob a sua direção musical no Festival Coral de Verão 2017, o Coro da ESML ganhou a medalha de ouro e a melhor performance de peça obrigatória. Teve também a oportunidade de trabalhar com o Grupo Coral de Queluz e Coro Regina Coeli. Foi ainda convidado pela companhia “World Masters in China” com intuito de realizar “masterclasses” e “workshops” para mais de 4000 professores de música e maestros. Dirigiu mais de 50 coros em Pequim, Shanghai, Hangzhou, Lanzhou, Tsingtao, Jinan e muitas outras cidades chinesas.
É, desde 2018, fundador e diretor artístico do Coro Nova Era Vocal Ensemble, maestro do coro ISCTE-UL e do Coro de Câmara Outros Cantos.